quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

Tarot Cigano - Mystical Le Normand Carta 2

A reedição do famoso baralho de Mille Lenormand (1772 - 1843), o 'Sibyl of Paris', foi maravilhosa. A cor e a textura das cartas são muito meiga, suave e inspiradora.
Urban Trosch pintou as imagens utilizando a técnica clássica Eitempera (técnica da casca de ovo) e criou uma obra de arte cativante e com cores brilhantes.
No Mystical Le Normand, a Carta do Tarot Cigano de número 2 é, sem dúvida, um mimo.
Duas joaninhas se deparam num campo de flores com faces humanas e bem no meio de uma das flores há um trevo de quatro folhas, que parece “impedir” as pequenas de passar....causando assim uma pequena pausa na jornada.

Porém as Joaninhas inocentes são dotadas de asas e podem a qualquer momento voar por sobre o trevo e as flores, ou seja, mesmo em meio a pequenos obstáculos, devemos utilizar nossas asas (imaginação, criatividade) e buscar formas de contornar estes pequenos obstáculos.
No canto superior esquerdo da carta do Mystical Tarot, vemos o número 2 que representa a dualidade, a polaridade, a necessidade de ser complementado, o convívio em harmonia com os demais
No canto superior direito, vemos o símbolo de uma flecha que aponta para o alto, lembrando muito o signo de Sagitário, com a flecha apontando para o infinito. O símbolo do signo, a flecha, representa as metas, os ideais, os objetivos, que estão sempre apontados para novos alvos, porém sempre com a inocência caracterizada.
"A ti Sagitário, Eu peço que faças os homens rirem, pois entre as distorções da Minha idéia eles se tornam amargos.
Através do riso darás ao homem a esperança, e por ela voltarás seus olhos novamente para Mim. Chegarás a ter muitas vidas, ainda que só por um momento; e em cada vida que atingires, conhecerá a inquietação. 
A ti Sagitário, darei o Dom da Infinita
Abundância, para que te possas expandir o bastante até atingir cada recanto onde haja escuridão, e levar aí a luz.
E Sagitário retornou ao seu lugar.
(Martin Schulman 'Karme Astrology the Moon's Nodes and a Remeartation)
 

Imagem do Petit Le Normand:
A carta 2 – O Trevo ou Os Obstáculos

Este arcano é representado por um trevo de quatro folhas.  Nas escolas Brasileiras, significam os tropeços da vida, as desorientações, mas que não trazem muitas preocupações, porque são problemas passageiros, de fácil solução. Já nas Escolas européias, significa boa sorte, recompensas, cabe ao intérprete das cartas decifrar qual o melhor significado a se aplicar Anuncia um período de obstáculos e dificuldades. Sinal de alerta, revela  impedimentos e um período para parar e aguardar, é o atraso e não se deve comentar com ninguém nossos planos. Esta carta nos revela que estas coisas são passageiras, são os paus e pedras no nosso caminho, para atrasar qualquer área da nossa vida. Não há mal que sempre dure. Cortes súbitos e coisas passageiras. Acredite na sua força interior e só peça ajuda à alguém de sua confiança.
Mensagem: As dificuldades serão passageiras, se acreditar que possui a força infinita da sabedoria Você está sendo chamado a se conscientizar da importância de manter a confiança e de buscar a sabedoria interior para enfrentar as situações adversas da vida (Trevo), e, ao mesmo tempo, exercitar sua capacidade compartilhar: dar e receber, proteção, generosidade, bondade; prenuncia uma provável entrada de recursos (6 de Ouros).

Aguardando preciosas observações e comentários para aprendermos juntos sobre esse mundo maravilhosos do Tarot e da Cartomancia.
Optchá!

4 comentários:

Marcelo Bueno disse...

Cigana Maria Rosa,

Maravilhosa publicação!

Como já disse em outro comentário, sou leigo no assunto. Porém, sou dotado de muito bom senso e sei discernir a boa leitura da má leitura. A cada vez que leio suas publicações, me surpreendo com a clareza das informações e a harmonia na condução de seus textos.

Parabéns, você é iluminada, sua evolução é notável, você é um "ser ímpar".

Beijos e sucesso sempre.

Marcelo Bueno

RUTE disse...

Olá menina,
só hoje dei com o artigo da 2ªcarta. Desculpe o atraso! Me ausentei por breves momentos da blogosfera.

Estive lendo com muuuuita atenção, porque o baralho cigano é um mundo novo para mim.

Entendi que apesar de ser a carta 2, ela é o 6 de ouros. Estranho isso. Pensei que no baralho cigano também existissem arcanos maiores e menores, mas pelo visto, não.

Agora, outras comparações:
Sua leitura em algumas partes lembra o simbolismo da lamina II - A Sacerdotisa.

A sensibilidade e a intuição são trunfos de sorte, fertilidade de ideias, acessibilidade ao corpo energético emocional.

Os trevos de 4 folhas e as joaninhas simbolizam sorte e fortuna. Geralmente aparecem na Primavera, sinal de fertilidade da mãe natureza. E nessa época as emoções andam ao rubro. O amor floresce a cada dia.

Mas a extrema sensibilidade também pode ser vista como algo negativo. A pessoa que se vitimiza por tudo e por nada, possui extrema sensibilidade. Fica melindrada à toa.

Inclusive por vezes é dual. Finge algo exterior, muito diferente de seus sentimentos interiores. Junto com a sensibilidade e a intuição, encontramos muito secretismo. Junto com toda a doçura, também poderá surgir alguém perigoso. A fragilidade aparente esconde, por vezes, uma fortaleza inesperada e substimada.

A joaninha também pode ser vista dessa forma. Pois ela possui um veneno em suas asas interiores para se defender dos predadores. E é muito feroz no combate aos pulgões. Ela devora uma quantidade enorme de pulgões em pouco tempo :)

Beijinhos.
Rute

neila disse...

Excelentes comentarios e abordagem muito rica, tb sou sagitario,gosto de cartomancia,tb sou da linha yoruba.Me senti em casa.
A beleza destas laminas me emocionaram

Maria Rosa Cigana disse...

Neila querida, obrigada pelo seu comentário e participação. Estamos preparando a terceira carta do tarot Cigano. E,breve. Bjus luminosos.